Criança Amaldiçoada Harry Potter

Quando e como comprar ingressos para Harry Potter e a Criança Amaldiçoada em Nova York

À esquerda, um desenho de uma asa de agoureiro, e à direita o título da peça "Harry Potter and the Cursed Child", com as informações "Parts one and two" e "based on a new story by J.K. Rowling, Jack Thorne and John Tiffany, a new play by Jack Thorne" embaixo.
Escrito por Igor Moretto

Os ensaios para a montagem nova-iorquina de Harry Potter and the Cursed Child (Criança Amaldiçoada em português) estão a todo vapor, ao passo que as datas de previews e estreia se aproximam. A venda dos ingressos deve ser ainda mais concorrida que em Londres, portanto se você tem viagem marcada para os Estados Unidos e pretende passar por Nova York para ver a peça, fique atento! Aqui estão todas as informações que você precisa para comprar seus ingressos antecipadamente.

Ticketmaster Verified Fan

Primeiro, precisamos entender como é o Ticketmaster Verified Fan, um novo processo da Ticketmaster que procura diferenciar bots e cambistas de fãs que realmente vão usar o ingresso. Ele recentemente foi usado por artistas como Harry Styles e Taylor Swift nas vendas de ingressos para suas respectivas turnês.

Andrew Sims, colunista do site de entretenimento Hypable, deu algumas dicas baseadas na sua experiência com o processo. Veja abaixo um resumo do que você deve esperar.

  1. O site da peça (https://www.harrypottertheplay.com/us/) vai anunciar em breve o período de registro do Ticketmaster Verified Fan (então fique de olho nas redes sociais da peça e também do Animagos – a gente promete avisar quando o período de registro for anunciado). Você PRECISA se registrar se pretende comprar ingressos. Você não precisa saber a data do espetáculo ainda, só precisa garantir sua oportunidade de comprar seus ingressos.
  2. Eles analisam cada conta, de cada usuário registrado, para tentar evitar bots e cambistas, e, por volta de um dia antes da pré-venda, que vai acontecer no dia 7 de fevereiro, você receberá um e-mail da Ticketmaster que te avisará se você foi verificado ou não. Só usuários com registros verificados poderão receber um código para acessar a pré-venda.
  3. Se você for verificado (o processo comete erros, e há muita controvérsia quanto à forma como ele verifica os registros), você receberá um e-mail na manhã do dia da pré-venda com o seu código de acesso, ou então um e-mail dizendo que você está em standby, o que significa que você receberá o código dentro de dois ou três dias.

Tudo isso precisa ser feito com uma conta do Ticketmaster, portanto faça sua conta no serviço agora, para não ter que fazê-la em cima da hora!

Comprando os ingressos

Com os registros de usuário selecionados, a concorrência promete ser menor do que numa venda usual na qual o público geral pode comprar os ingressos, mas mesmo assim é recomendado que você faça sua compra o mais rápido possível! Abaixo, você vai entender como funciona a pré-venda.

  1. No dia 7 de fevereiro de 2018, às 11:00 ET (14:00 no horário de Brasília e 16:00 no horário de Lisboa), a pré-venda de ingressos para as performances de 16 de março de 2018 até 9 de março de 2019 estará disponível através do Ticketmaster e do site da peça. Você só poderá visualizar a pré-venda se tiver sido verificado e recebido um código de acesso, de acordo com o que foi explicado acima.
  2. Utilize o seu código de acesso com a mesma conta que você utilizou para se registrar no Ticketmaster Verified Fan. Se você tentar usar seu código de acesso com outra conta, não vai funcionar.
  3. Você poderá escolher qualquer data, para qualquer performance de Harry Potter and the Cursed Child, entre 16 de março de 2018 até 9 de março de 2019. A peça é dividida em duas partes, portanto existem diversas formas de assistir ao espetáculo. Você pode ver as duas partes no mesmo dia, em dias consecutivos, ou até mesmo só uma parte. Lembre-se que a peça conta uma história, portanto se você assistir só a primeira parte, ficará sem o final dela.
  4. Depois de escolher e comprar os ingressos, você vai receber uma confirmação com todas as informações necessárias para assistir à peça no dia escolhido, e o seu ingresso poderá ser utilizado por qualquer pessoa. O ingresso não é associado à seu nome ou identidade, podendo ser vendido ou dado de presente para alguém.

Se você está em dúvida se realmente vai, recomendamos que mesmo assim você se registre para o código de acesso. Ele não te atrela à compra, portanto se você tiver o código de acesso e não puder/quiser mais assistir ao espetáculo, você pode simplesmente ignorar a pré-venda. Recomendamos que você e todos os seus amigos façam o registro para o código de acesso, pois outra pessoa poderá comprar seus ingressos caso você não seja verificado.

Ficou com alguma dúvida? Deixe-a nos comentários e a gente promete responder o mais rápido possível!

Sobre o autor

Igor Moretto

Igor já trabalhou como tradutor de conteúdo em diversos sites. Hoje, formado em Produção Audiovisual, procura alimentar o Animagos com novidades e é responsável pelo podcast mensal.